PUBLICIDADE

X

CULTURA

Sexta-feira, 03 de Setembro de 2021, 18h:17

Olho 904 acessos A | A

SALÃO JOVEM ARTE

Prefeita Eliene parabeniza artistas cacerenses Rosana Schimitt e Bosquê selecionados no Salão Jovem Arte

Por: Esdras Crepaldi I Assessoria

Reprodução

Clique para ampliar

Carlos Alberto Bosquê e Rosana Schimitt, foram escolhidos para o 26° Salão Jovem Arte, promovido pela Secretaria de Estado de Cultura.

A Prefeita de Cáceres, Eliene Liberato Dias, comemorou e parabenizou dois artistas que residem em Cáceres e escolheram esta terra para viver.  Carlos Alberto Bosquê e Rosana Schimitt, foram escolhidos para o 26° Salão Jovem Arte, promovido pela Secretaria de Estado de Cultura.

Os cacerenses de coração estão entre os 63 artistas selecionados no ano de 2021 e terão suas obras exibidas em mostra competitiva, a partir do dia 6 de outubro na Galeria Lava Pés, UFMT e Galeria de Artes do Sesc Arsenal.

“É um orgulho para Cáceres, ter dois artistas classificados neste importante evento da cultura de Mato Grosso. Um homem e uma mulher que muito representam e divulgam o nome da nossa cidade no Brasil e no mundo. Bosquê e Rosana, muito obrigada e sucessos na grande final do Salão Jovem Arte. Estamos muito bem representados e torcendo por vocês”, reconheceu Eliene.

Bosquê concorre com obras na categoria pinturas e Rosana com instalação artística. Ambos integram a Associação dos Artistas Plásticos de Mato Grosso ARTEMAT.

Bosquê é graduado em pintura na Faculdade de Belas Artes de São Paulo, Mestre em Educação Profissional Escolar, participou com pintura no Memorial da América Latina no Mapa Cultural Paulista e diversas exposições no Brasil, projetos de educação e arte em comunidades ribeirinhas, aldeias e Centro de Referência de Direitos Humanos. O artista é um dos selecionados da Revista Pixé, ilustra livros e tem Ateliê em Cáceres desde 1995. Selecionado com 3 obras no 26° Salão Jovem Arte, faz reflexão com seu surrealismo em telas de grandes dimensões com o diálogo de imagens compostas nos sofrimentos de Pietà por guerras e conflitos que envolvem política, religião e meio ambiente. Segundo o artista, polêmicas que muitos evitam conversar, mas muito comum e tentador em meio as tragédias da vida na Divina Comédia. Suas artes conversam e colocam sobre o colo do altíssimo os temas das tríades em períodos e espaços diferentes até hoje em dia, o jovem Ícaro, a cultura da bala, da monstruosidade e da hipocrisia com feras, bestas e mitos. Bosquê em muitas de suas obras faz a revisão interpretativa de Rene Magritte na "Traição das imagens" quando muitos em leituras rápidas enxergam Cristo com arma e sem as pernas da alma, ou anjos sem cabeças e cupidos sem mão.

Já Rosana Schimit é Graduada em Desenho Industrial na Faculdade de Artes Plásticas – FAAP, SP, e ao longo de sua carreira atuou como professora universitária, comunicadora social, cenógrafa, publicitária e tem um currículo muito especial em Cáceres, onde desenvolveu relevantes serviços na Secretaria de Turismo e Cultura, principalmente nos Festivais Internacionais de Pesca, com projetos de estandes e comunicação visual com foco em resgate histórico-cultural. Nesta pasta Rosana também foi coordenadora de Marketing.

Para o secretário de Cultura, Beto Dois a Um, esta edição do Salão Jovem Arte traz toda a pluralidade e potência da cultura Mato-grossense, contemplando novos artistas e artistas consagrados valorizando a diversidade das artes visuais de Mato Grosso.