PUBLICIDADE

X

POLÍCIA

Quinta-feira, 14 de Outubro de 2021, 09h:10

Olho 4872 acessos A | A

NOVAMENTE

Horas após ser presa pela 2ª vez, mulher é solta e volta a brigar em bar do Zero em VG

Por: Bárbara Sá I RD News

Reprodução

Clique para ampliar

Está marcada uma nova audiência de custódia para ela hoje, a partir das 13h em decorrência da prisão de ontem.

Horas após ser presa pela segunda vez na Praça Popular, na noite desta quarta (13), em Cuiabá, a jornalista Nildes de Souza, de 37 anos, se envolveu em outra confusão. Dessa vez, vídeo que circula nas redes sociais, mostra ela correndo atrás de algumas pessoas em um bar que, segundo o homem que filma, é no Zero Km, em Várzea Grande.

“Tá tendo rolo aqui gurizada, sabe quem tá brigando mais uma vez? A mulher que vai presa por polícia, ela fazendo rolo de novo aqui no Zero, ela é boa guri. Ela chega e acaba com a festa. Ow, essa mulher é rolo mesmo guri, Deus a livre, essa mulher é problema”, narra o cinegrafista dando gargalhadas.

No vídeo, Nildes aparece com a mesma roupa flagrada na noite de quarta, em um bar da Praça Popular, onde foi detida. Está marcada uma nova audiência de custódia para ela hoje, a partir das 13h em decorrência da prisão de ontem.

Caso

Presa na madrugada de terça (12), ela passou por audiência de custódia e foi solta com tornozeleira. Uma das determinações judiciais era para que ela não chegasse perto de bares e que frequentasse reuniões do AA. Juíza Ana Graziela Vaz de Campos Alves Corrêa, da 11ª Vara Especializada de Justiça Militar e Custódia da Comarca da Capital afirma em sua decisão que Nildes sofre com transtornos bipolar e com alcoolismo.

Foi liberada após pagar fiança de R$ 1.100 e monitorada com tornozeleira. Foi determinado ainda que ela deve se recolher das 22h e 6h. O problema é que ontem ela foi presa novamente em um bar, por isso, deve passar por nova audiência hoje.

(CLIQUE AQUI) e faça parte do nosso Instagram curta, siga e receba as últimas do .

(CLIQUE AQUI) e faça parte no nosso grupo do WhatsApp e receba como últimas do .