PUBLICIDADE

X

POLÍCIA

Quinta-feira, 07 de Novembro de 2019, 17h:48

Olho 1033 acessos A | A

FRONTEIRA

Idoso e adolescente bêbados batem carro e acabam presos em Glória D'Oeste.

Por: MÁRIO ANDREAZZA

Reprodução

Clique para ampliar

V.L. e a menor ficaram feridos e receberam atendimento de primeiros socorros no local por uma equipe médica do Posto de Saúde da Família (PSF) e, em seguida, foram encaminhados à unidade de saúde.

Um idoso de 68 anos bêbado, identificado pelas iniciais V.L, foi preso em flagrante após sofrer um acidente de carro, um Chevrolet Celta, durante a manhã dessa quarta-feira (06) numa estrada de chão a caminho de um restaurante no município de Glória D’Oeste (309 km da Capital). Uma menor de 17 anos, que estava na companhia do acusado, foi apreendida visivelmente bêbada.

V.L. e a menor ficaram feridos e receberam atendimento de primeiros socorros no local por uma equipe médica do Posto de Saúde da Família (PSF) e, em seguida, foram encaminhados à unidade de saúde.

O idoso deu entrada no posto com corte no queixo e arranhões no rosto, já a adolescente estava com um corte na mão esquerda e lesões na perna direita.

O Conselho Tutelar foi acionado para fazer o acompanhamento da ocorrência pelo fato de uma menor estar envolvida.

Após conversa com a adolescente, o conselheiro explicou para a Polícia Militar (PM), acionada pela equipe médica do PSF, que a garota estava com o idoso no município de Porto Espiridião (109 km de Glória D’Oeste), onde foram beber e tomar banho de rio.

Ao voltarem para Glória D’Oeste a adolescente reclamou que estava com fome, então o idoso decidiu levar a garota a uma peixaria na intenção de comer peixe frito, porém durante o trajeto, V.L. perdeu o controle da direção, quebrou um mourão, atravessou uma cerca e só parou quando bateu o carro contra um barranco.

O idoso confessou aos militares que havia bebido, mas que a menor tinha consumido apenas duas latinhas.

O Celta ficou a frente amassada, vidro quebrado e arranhões pela lataria.

O acusado foi encaminhado à Delegacia de Porto Espiridião, onde a ocorrência foi registrada por crimes como conduzir veículo automotor sob influência de álcool ou substância psicoativa, servir bebida alcoólica a menor de 18anos e danos materiais causados por acidente de trânsito.