PUBLICIDADE

X

POLÍCIA

Sexta-feira, 07 de Maio de 2021, 11h:36

Olho 814 acessos A | A

VACINAÇÃO DO COVID-19

Prefeito abre investigação contra servidor que pegou vacinas e foi para boate, e pode perder cargo

Por: Thalyta Amaral I GD

Michel Alvim

Clique para ampliar

A logística de distribuição das doses aos municípios já teve início na última quarta-feira (19.05).

O prefeito de Santo Antônio do Leste (379 km ao sul de Cuiabá), José Arimateia, abriu uma investigação para investigar a conduta do servidor preso na quinta-feira (6) após pegar vacinas contra a covid-19 e, em vez de fazer a entrega, ter ido para uma boate consumir bebida alcoólica.

Por meio de nota, o prefeito informou que essa é uma "conduta inaceitável de um servidor". O homem, que não teve a identidade revelada, saiu de manhã para buscar as vacinas em Rondonópolis (212 km ao sul) e só foi aparecer à noite.

 

Quando o motorista não apareceu com as doses no horário previsto, a Secretaria Municipal de Saúde acionou a Polícia Militar, que localizou o servidor no carro da prefeitura, visivelmente embriagado, na região conhecida como Trevo do Gaúcho.

Segundo o prefeito, foi aberto um processo administrativo disciplinar (PAD), como é de praxe em casos de condutas ilegais de um servidor, para apurar a situação. Caso seja comprovado que ele dirigiu bêbado e utilizou o carro da prefeitura para fins particulares, ele pode até perder o cargo, já que é concursado.

Apesar da demora na entrega, as doses estavam bem condicionadas e não sofreram nenhum dano.

"Quanto às vacinas, quero tranquilizar a população, principalmente aqueles que estarão sendo vacinados nesse lote que acabou de chegar, visto que as mesmas encontram-se em perfeito estado de conservação, com a eficácia desejada para estar imunizando a população", informou o prefeito por meio da nota.